Resenha - Perfeitos

Perfeitos

Autor: Scott westerfeld
Editora : Galera Record
Classificação: Literatura estrangeira - Distopia - YA
Número de páginas: 400
Ano: 2010

Atenção!!! Contém spoilers do primeiro livro da série – Feios (Leia a resenha aqui)

     Para entender um pouco desse, preciso mencionar fatos do primeiro livro que deixei de descrever na resenha para não haver spoilers.

     Em Feios Tally Yongblood vai ao acampamento dos fugitivos (chamado de Fumaça) a fim de delatá-los e poder finalmente se tornar uma perfeita. Porém, lá conhece sobre a forma de vida que levam, conhece David, que lhe desperta interesse e descobre que durante a operação para torna-los perfeitos o cérebro é lesionado com o intuito de fazer com que se tornem pessoas passivas. Desistindo da ideia de entrega-los às Circunstâncias Especiais, Tally acidentalmente ativa o rastreador que levava consigo, fazendo com que a Fumaça fosse invadida.  Shay é capturada e transformada em perfeita. Após Tally escapar com alguns Enfumaçados, ela se oferece como voluntária para se tornar perfeita e deixar com que a mãe de David (a médica que descobriu sobre as lesões) a use como cobaia para testar uma cura.


     Em Perfeitos, Tally passou pela operação e agora espera a provação de uma turma chamada Crim. Perfeitos que eram rebeldes em seus tempos de feios e que, depois da operação, se divertiam testando os limites da cidade. Durante uma festa, no dia em que Tally seria (ou não) aprovada pelos Crims, um enfumaçado invade a festa e faz Tally ter lembranças que haviam desaparecido após a operação. Incomodada por essas lembranças Tally se envolve com Zane (líder do grupo Crim) que também se incomoda com a forma alienada com que vivem. Tally agora precisa fazer uma escolha: se curar e juntar-se aos enfumaçados contra as imposições da cidade ou viver serenamente na ilusão das festas e comodidades de Nova Perfeição.


     Não tão bom como o primeiro, mas ainda assim interessante. Sendo uma distopia, cria-se um mundo completamente novo e, consequentemente, atitudes e pensamentos diferentes do nosso para os personagens. Se você olhar por esse ângulo, a história fica interessante e podemos acompanhar mais uma jornada de Tally em busca de respostas e fazendo muita bobagem no caminho. Como no primeiro, o autor nos dá uma série de possibilidades para as aventuras de Tally e não sabemos bem qual o caminho que ela irá seguir. Talvez um pouco mais previsível que o primeiro por já nos acostumarmos e conhecermos a personalidade de Tally. Os personagens coadjuvantes são apenas isso, coadjuvantes. Algo que acabei observando depois também no primeiro livro. David passa “batido” em sua vida; Shay, que seria ou melhor amiga ou inimiga conforme a trama se desenrola, também acaba não tendo uma participação significante no segundo livro e Zane, que seria seu companheiro parece também não ter a importância que merecia. Tudo acontece em torno e por causa de Tally. O que nos prende ao livro é a curiosidade de saber como irá acabar. Ficou um pouco complicado de explicar sobre o livro na resenha, apesar da história não ser nada complicada, é difícil descrever uma distopia.

Ana


5 comentários:

Ana Luiza Moraes disse...

Estou loucaa para ler essa série, mas ainda não tive oportunidade de comprar. ): Espero gostar. *-*
Beijoos

http://livrinhoseeu.blogspot.com.br/

Lú Miranda disse...

Você já está no segundo e eu ainda nem li o primeiro, espero que em breve. Parabéns pela resenha, muito bem escrita, também, né?! Escritora de mão cheia! kkkk
Beijos.

Amanda T. disse...

Oi! Eu tambem acho que o nivel caiu em relação ao primeiro, mas continuou sendo um otimo livro e o resto da serie tambem. Eu recomendo!

Beijokas
escolhasliterarias.blogspot.com.br

Patty Santos disse...

Ana... eu sempre fico em dúvida se compra ou não essa série, e nessa vai passando o tempo!!!

Adorei a resenha... acho que esses livros irão voltar pra minha listinha de desejados!!!

Beijos
Patty Santos - Blog Coração de Tinta
http://coracaodetinta.blogspot.com.br/

Neriana Rocha disse...

Olá, meninas! :)
Passando para avisar que indiquei vocês para uma tag. Espero que vocês gostem.
Beijos!

Café com Leituras!
http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/2013/06/tag-meu-marido-literario.html

Postar um comentário